0

PONTOS DE GRAMÁTICA HISTÓRICA

Posted by admin on mar 23, 2014 in + GRAMÁTICA, + HISTÓRICA, + LÍNGUA, + ORIGEM, + PORTUGUÊS
SAM_4195

DISPONÍVEL

Livro de ISMAEL DE LIMA COUTINHO.

GRAMÁTICA HISTÓRICA é a ciência que estuda os fatos de um língua, no seu desenvolvimento sucessivo, desde a origem até a época atual.

Remontando no passado às suas origens, ao seu período de formação, explica-nos a transformação por que essa mesma língua passou, na sua evolução através do espaço e do tempo.

Essas transformações não se deram por acaso, não foram produzidas pela moda ou capricho, mas obedeceram a tendências naturais, a hábitos fonéticos espontâneos.

A GRAMÁTICA HISTÓRICA não é uma ciência inteiramente autônoma, mas está subordinada à Glotologia, em cujas conclusões deve basear os seus princípios.

A GRAMÁTICA HISTÓRICA da língua portuguesa estuda a origem e a evolução do idioma português no tempo e no espaço.

Editora LIVRARIA ACADÊMICA.

357 páginas.

 
0

NOITES BRANCAS

Posted by admin on mar 16, 2014 in + FICÇÃO, + LITERATURA, - RUSSA
SAM_4183

DISPONÍVEL

Livro de FIÓDOR DOSTOIÉVSKI. Tradução de NATÁLIA NUNES.

Numa iluminada noite de primavera, à beira do rio Fontanka, um jovem sonhador se depara com uma linda mulher, que chora. São Petersburgo está mergulhada em mais uma de suas noites brancas, fenômeno que as faz parecerem tão claras quanto os dias e que confere á cidade a atmosfera onírica ideal para o encontro entre essas duas almas perdidas. Em apenas quatro noites, o tímido rapaz e a misteriosa Nástienhka passam a se conhecer como velhos amigos, mas algo vem atrapalhar o desenrolar romântico deste fugaz encontro…

Editora L&PM POCKET.

94 páginas.

 
0

O CORNO DE SI MESMO & OUTRAS HISTORIETAS

Posted by admin on mar 16, 2014 in + LITERATURA, - CONTOS, - FRANCESA
SAM_4182

DISPONÍVEL

Livro de MARQUÊS DE SADE. Tradução de PAULO HECKER FILHO.

Escritos nada menos que durante o período em que o Marquês de Sade ficou preso na Bastilha, por volta de 1787, os contos aqui reunidos foram editados apenas em 1926. Nestas histórias, o Marquês, no seu melhor estilo, afronta todos os tipos de instituições, especialmente a do casamento. Protagonizadas por maridos devassos e mulheres submissas, ou ainda por maridos depravados e mulheres mais ainda, contam com a plêiade de personagens que são caros ao autor: padres ardilosos, mocinhas castas e ardentes prostitutas se revezam no universo da traição e da depravação. Um contista nato, o Marquês de Sade, que passou quase a metade de sua vida entre prisões e sanatórios, foi capaz de escandalizar gerações e de ser censurado em século e meio após sua morte.

Editora L&PM POCKET.

63 páginas.

 
0

O RETRATO

Posted by admin on mar 16, 2014 in + FICÇÃO, + LITERATURA, - RUSSA
SAM_4181

DISPONÍVEL

Livro de NICOLAI GOGOL. Tradução de ROBERTO GOMES.

Imaginativos e atemporais, os contos de Gogol permanecem atuais e significativos hoje como eram para os leitores de outras gerações. Suas histórias são admiradas pela perfeita combinação entre fantasia e realidade com toques de humor, aliadas ao uso de detalhes do cotidiano para extrair o “extraordinário do ordinário”. Esses elementos estão presentes em “O Retrato”, uma soberba reflexão entre a vida e a arte.

Renovador e vanguardista, Gogol trouxe para a literatura russa o realismo fantástico e escreveu algumas obras-primas do conto universal. Os contos “O Retrato” e “O Capote” são algumas das peças mais expressivas da vertiginosa obra do autor.

Editora L&PM POCKET.

62 páginas.

 
0

O CLUBE DOS CORTA-BULLYING

Posted by admin on mar 16, 2014 in + INFANTO-JUVENIL, + LITERATURA, - BULLYING
SAM_4180

DISPONÍVEL

Livro de TERESA BATEMAN. Tradução de MADALENA PARISI DUARTE. Ilustrado por JACKIE URBANOVIC.

Leila, a Racum, está muito entusiasmada com seu primeiro dia na escola, até sentar-se perto de Gerson Terrível.

Ele chuta sua cadeira, rouba seu lanche e a chama de nomes feios. Ela tenta não ligar para ele, torna-se sua amiga, mas nada parece fazer com que esse bullying termine. E Leila não é a única que Gerson apoquenta.

Mas logo, logo Leila e seus colegas de classe criam o Clube dos Corta-Bullying. Estando juntos, eles não serão mais importunados.

Editora TODOLIVRO.

30 páginas.

.

 
0

PRODUÇÃO TEXTUAL, ANÁLISE DE GÊNEROS E COMPREENSÃO

Posted by admin on mar 16, 2014 in + ANÁLISE, + DISCURSO, + ENSINO, + ESTUDO, + LEITURA, + LÍNGUA, + LINGUÍSTICA
SAM_4155

DISPONÍVEL

Livro de LUIZ ANTÔNIO MARCUSCHI.

Este trabalho, que postula princípios sociointeracionistas, contém a quarta versão dos materiais para o curso de Linguística 03 ministrado na Graduação em Letras da Universidade Federal de Pernambuco, no segundo semestre de 2005. Trata-se de observações destinadas à leitura dos alunos para o acompanhamento das exposições feitas em aula.

Constam aqui estudos muitas vezes inacabados e ideias preliminares. Em certas passagens, figuram partes de trabalhos editados em revistas, anais, coletâneas e originais não publicados. Por isso podem aparecer incompletos e repetitivos. Indicações bibliográficas foram feitas para que cada leitor tenha condições de prosseguir em seu aprofundamento individual.

Os temas estão distribuídos em três partes com tópicos interligados, a saber:

(i)                 Produção textual com ênfase na linguística de texto de base cognitiva.

(ii)               Análise sociointerativa e gêneros textuais no contínuo fala-escrita.

(iii)             Processos de compreensão textual e produção de sentido.

As noções de língua, texto, gênero, compreensão e sentido, bem como o enfoque geral da abordagem, situam-se na perspectiva da visão sociointeracionista da língua. Esse tipo de visão recusa-se a considerar a língua como um sistema autônomo e como simples forma. Aqui, a linguagem é vista como um conjunto de atividades e uma forma de ação.

Editora PARÁBOLA.

295 páginas.

 
0

XXXV SALÃO INTERNACIONAL DE HUMOR DE PIRACICABA – 2008

Posted by admin on mar 16, 2014 in + CARICATURA, + CHARGE, + DESENHO, + EXPOSIÇÃO, + HUMOR
SAM_4178

DISPONÍVEL

Coordenadora do projeto editorial / gráfico – MARIA IVETE ARAÚJO MARCOLINO. Capa de ZIRALDO.

Ao chegar a sua 35ª edição como um dos principais festivais de desenho de humor no campo das artes gráficas, o Salão de Humor de Piracicaba, realizado ininterruptamente desde 1974, sendo o mais antigo do Mundo e, sem dúvida, o mais importante das Américas, finalmente apresenta um catálogo dentro do período em que o evento ocorre.

O presente catálogo reúne os 332 melhores trabalhos recebidos neste 35º Salão Internacional de Humor, incluindo os premiados e as menções honrosas das cinco categorias em que se divide o concurso: cartum, charge, caricatura, tira e vanguarda.

Escolhidos entre mais de dois mil recebidos, provenientes de 42 países, dos cinco continentes, e de praticamente todos os estados brasileiros, esses trabalhos formaram a maior exposição de toda a história do evento. Assim, amparados por esses números, podemos dizer que o catálogo apresenta o que há de melhor no humor mundial na atualidade.

Produzido pelo Centro Nacional do Humor Gráfico, em parceria com a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, o livro, destinado ao público e aos 732 artistas participantes, conta 106 cartuns, 78 charges, 91 caricaturas, 25 tiras e 32 trabalhos de vanguarda.

Editora IMPRENSA OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO; PIRACICABA / SP e INSTITUTO HISTÓRICO GEOGRÁFICO DE PIRACICABA.

176 páginas.

 
0

A VELHINHA QUE DAVA NOME ÀS COISAS

Posted by admin on mar 16, 2014 in + INFANTIL, + INFANTO-JUVENIL, + LITERATURA
SAM_4177

DISPONÍVEL

 

Livro de CYNTHIA RYLANT. Tradução de GILDA DE AQUINO. Ilustração de KATHRYN BROWN.

O que deve fazer uma velhinha que sobreviveu a todos os seus amigos para evitar a solidão? Dar nome às coisas que a cercam! Tal como sua casa Glória, sua cama, Belinha, ou Caco, seu porco de cimento no jardim.

Então um cachorrinho marrom aparece no seu portão. Se a velhinha resolver ficar com ele, vai ter que lhe dar um nome… Portanto, ela o manda embora.

Mas o cachorrinho tem outros planos…

Editora BRINQUE-BOOK.

32 páginas.

 
0

MÁFIA – A TRADIÇÃO DO CRIME

Posted by admin on mar 16, 2014 in + CRIME ORGANIZADO, + HISTÓRIA, + MÁFIA
SAM_4176

DISPONÍVEL

 

Livro editado por EDGARD MELO e KARINA ALMÉRI.

Muitos autores compartilham da compreensão de que a formação mafiosa é um fenômeno social que provém das sociedades rurais pouco industrializadas e pouco desenvolvidas economicamente. Porém, esta tese parte do princípio de que a evolução econômica, fundamentada na industrialização, anularia o fenômeno mafioso.

Temos, hoje, o privilégio – ou a desvantagem, dependendo do ponto de vista – de poder acompanhar a evolução desses grupos mafiosos e, assim, constatar que a industrialização e o crescimento da sociedade urbana não atrapalharam, em nada, a evolução dos grupos. Ao contrário, os tornou cada vez mais organizados, o que promove uma disseminação da filosofia criminosa no mundo.

Editora ESCALA.

114 páginas.

 
0

GÊNEROS TEXTUAIS & ENSINO

SAM_4184

DISPONÍVEL

Livro organizado por ANGELA PAIVA DIONISIO, ANNA RACHEL MACHADO e MARIA AUXILIADORA BEZERRA.

Quando falamos ou escrevemos, seja em que situação for, estamos sempre produzindo algum gênero textual. Essa constatação, por mais singela e óbvia que possa parecer, não vinha sendo levada em conta pelos manuais de ensino de língua. Na realidade, embora tenhamos certa competência tipológica intuitiva para a produção de muitos gêneros textuais, essa habilidade pode ser analisada, treinada e ampliada. É precisamente a imperdoável loucura nessa área que a presente coletânea de ensaios busca preencher com subsídios teóricos e sugestões de trabalho em várias direções na análise de múltiplos gêneros textuais, nos diversos meios de comunicação. Aqui o professor de português, o estudioso da língua, os comunicadores e todo leitor preocupado em conhecer como se constituem e funcionam os gêneros textuais têm uma preciosa fonte de estudo e consulta. Assim, esta obra, única entre nós na especialidade, colabora de maneira substantiva com a última geração de manuais de ensino na perspectiva textual-discursiva, que concebe a língua como atividade interativa de caráter social, histórico e cognitivo.

Editora PARÁBOLA.

246 páginas.